Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um quarto para as nove

Para entreter uns minutos do dia

Um quarto para as nove

Para entreter uns minutos do dia

Dias pouco úteis

- Faça uma lista das suas tarefas diárias.

- Uma lista…?

- Sim. Aponte tudo o que faz. Desde o numero de vezes em que se levanta durante a noite, passando pelas tarefas mais quotidianas do dia, como aspirar a casa ou fazer o jantar, termina com a hora que se vai deitar.

Acrescento então uma tarefa às tarefas. Fazer a lista.

- Muito bem. Vou tentar.

- A ideia a perceber em que momento do dia consegue encontrar tempo para si. Para relaxar.

- Se é para saber isso não preciso fazer lista alguma. Não há tempo para relaxar. Não há tempo para descansar durante a semana. Há sempre alguma coisa para fazer. Conseguir só fazer uma de cada vez já seria um alivio. Normalmente estou a fazer uma e a cabeça já está a carregar em linha as próximas duas tarefas que têm de ficar feitas. Acho que a cabeça já percebeu que anda a ficar esquecida, sabe?

- Compreendo. Mas nem 5 minutos.

- Se me levantar mais cedo ou se me deitar mais tarde sou capaz de arranjar alguma coisa. De outra forma nada feito. O dia começa cedo. Há muito que fazer, nada fica concluído. E depois o dia acaba tarde.

 

4 comentários

Comentar post