Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um quarto para as nove

Para entreter uns minutos do dia

Um quarto para as nove

Para entreter uns minutos do dia

Desabafos

Tenho dias em que toma conta de mim uma vontade inexplicada de chorar. Como se as lágrimas estivesses presas atrás das orbitas, quais gotas de água retidas à porta da barragem que impede a água de seguir o seu curso.

Nestes dias o mundo parece conspirar contra mim: o que sou, o que penso, o que sinto. Os objetivos caem por terra, mesmo que o pensamento seja positivo. Por mais positivo que o pensamento seja. O vida tritura-me como se fosse um pedaço de carne a sair do matadouro; já feita em peças e a caminho do talho.

«Então e o pensamento positivo? Não devia chamar as coisas boas?» Devia, mas pelos vistos só chama se houver sorte, sem a sorte nada feito.

Essa desgraçada da sorte.

E eu cá ando, há espera que o mundo comece a rodar ao contrário. Na esperança que as pessoas acordem todas diferentes. Alentada pela experiência que os dias de vida me podem dar. Sentindo-me medíocre e pouco capaz. Acima de tudo uma triste ignorante que não entende que a ignorância é a maior das bênçãos.

 

4 comentários

Comentar post